Expectativa e Realidade

sexta-feira, 6 de janeiro de 2017
Faz tanto tempo que parei de colocar no papel meus pensamentos tortos e paranoicos. Desde que cheguei a Jampa, não tive tanto tempo para isso. Faz 4 meses que to aqui vivendo dentro de um mundo completamente estranho para mim. Sim, é estranho, mas não é tão mal. Tive muitas conquistas e alguns de meus pequenos sonhos realizados ao chegar nesta cidadezinha aparentemente normal.

Ganhei muitas coisas, ajuntei boas histórias para contar, porém também perdi coisas que significam muito para mim. Hoje já não tenho mais a minha liberdade. Me tornei escrava do trabalho e não faço ideia de como me libertar. Tudo bem, não sou livre, mas não pretendo continuar com esse fardo que pesa sobre mim. Não sei como e muito menos quando, mas tenho certeza de que hora ou outra eu vou poder sair e respirar como quem acabou de sair da prisão.

Por um lado eu quero pegar minhas malas e voltar correndo pra casa, mas por outro eu quero ficar aqui e daqui mais pra frente. Mas é que minha cabeça me confunde o tempo todo. Tanto que eu penso e nunca chego a conclusão nenhuma.

Como a gente se engana em relação aos nossos objetivos. Quando eu era dependente dos meus pais, queria mais que tudo ser independente. Agora que sou, vejo que não é tão maravilhoso como eu imaginava. Na verdade, nada nesta vida é como imaginamos, já que em nossas cabeças podemos mandar à nossa vontade, coisa que não acontece na vida real.

Nenhum comentário

Postar um comentário

Você pode usar os comentários para dizer
qual é a sua opinião sobre o post
e para deixar suas dúvidas.

Spam e comentários ofensivos não serão publicados.

 
Desenvolvido por Michelly Melo. Miss Opina.